Este é o link do meu livro: Sol Mar Mel, Fragmentos da Vida no CREATESPACE. Você ja pode comprá-lo. Também no AMAZON.COM,BR e no KINDLE (leitor eletrônico) Lembrando que no AMAZON e no KINDLE está disponível em todos os países. http://www.amazon.com/Sol-Mar-Fragmentos-Vida-Portuguese/dp/1508621047/ref=sr_1_1?s=books&ie=UTF8&qid=1424972270&sr=1-1&keywords=Sol+Mar+Mel+Fragmentos+da+Vida


terça-feira, 21 de dezembro de 2010

ALÉM DOS SINAIS

Era uma tarde sombria. Chovia muito. Relâmpagos e trovoes assustavam os moradores daquela pequena cidade.
Uma moça caminha lentamente no meio da tempestade sem se importar com os raios e os trovoes. Uma pequena bagagem parece ser tudo que ela tem. Seu olhar vago parece ter desistido da vida. A qualquer momento ela poderia ser atingida por um raio. Mas ela não se importava.
A moça podia ver de longe um rapaz vindo em sua direção. Ele também parecia desolado. Era um jovem rapaz. Os dois aparentavam muito jovens.
Como em camara lenta os dois iam se aproximando e ao mesmo tempo seus semblantes iam mudando. Os rostos desolados e tristes, aos poucos foram substituídos por semblantes de alegria e esperança.
Os dois estranhos param de frente um para o outro. Se olham. Ele passa suavemente os dedos no rosto da garota. Ela retribue. Os carinhos continuam. Palavras... Não são ditas. Nenhuma palavra foi dita ate aquele momento!
Intercalados, a cada raio e trovão, um deles volta o pensamento ao passado relembrando as magoas e o motivo de estarem na rua.
A moça: A lembrança era tão clara como os raios. Sua mãe a expulsa de casa . Vizinhas de sua mãe acenam apoiando sua expulsão.
O rapaz: A lembrança dele era de orfanatos. Incêndios e confusão fazem parte de suas lembranças. A cada raio, uma lembrança. Pessoas assustadas também o expulsa de suas moradias.
As lembranças cessam. Beijos, raios e trovoes mais intensos, enfeitam aquela cena. Os dois, sem trocar uma palavra se quer, se beijam numa explosão de amor! Por alguma razão, as forças da natureza os uniu! Entre raios e trovoes e molhados... Eles saem de mãos dadas esperançosos.
.................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................. (Fui passar uns dias na casa da minha irma em Goiania/Go. E.. comecei a sentir cheiro de sangue.Limpei várias vezes a casa toda mas... O cheiro continuava. Até que minha irma confessou que um antigo morador suicidou-se na casa. Atirou na própria cabeça e o sangue ficou espalhado.// Tambem tem outro fato real na historia. Tive a nitida imprenssao que corri risco de vida.Nao posso falar.Mas está na historia! Escrevi essa historia e ao mesmo tempo enviei um aviso. Como se eu dissesse: Eu entendi o que voce pretendia fazer! Fiquei com muito medo na epoca. O realismo da historia... Tem um fundo de verdade.)


Escrito por Heliomar Melo

4 comentários:

  1. E isto chama-se mediunidade!!
    Gostei demais!
    O Natal é o espírito de doce amizade que brilha todo o ano.
    É bondade, é a esperança renascida novamente,
    para paz, para entendimento, e para benevolência dos homens.
    É o nascimento de Jesus!
    Muitas flores, muitos sorrisos e muita paz no coração!
    ★ ┊    ★ ┊┊   ★ ┊  ★ ┊    
    ┊   ┊ ☆   ☆┊ ┊     ★┊  
      ★ ┊    ★ ┊ ★ ┊ ★ ┊
    ┊   ┊ ☆   ☆┊    ★┊ ☆ ☆ 
    ☆┊   ☆   ★ ┊    ★ ┊┊ ☆   
    ┊   ┊ ☆   ☆┊    ★┊★┊ ★
    ☆┊ ☆   ★ ┊    ★ ┊ ☆
    Feliz Natal!! E um lindo 2011cheio de boas energias e muita inspiracao!!

    ResponderExcluir
  2. Isso mesmo Marcia! Mediunidade!
    Prazer ter voce por aqui Marcia!!
    Abracao!!!

    ResponderExcluir
  3. Mediunidade, espiritualidade é tudo isso que voce descreveu. Parabens por mais esta linda postagem.
    Abraços Heudes

    ResponderExcluir
  4. Sempre um grande prazer ter voce por aqui Heudes!!

    Vim passar uns dias na casa da minha irma em Goiania/Go. E.. comecei a sentir cheiro de sangue.Limpei várias vezes a casa toda mas... o cheiro continuava. Até que minha irma confessou que um antigo morador suicidou-se na casa. Atirou na própria cabeça e o sangue ficou espalhado. Tambem tem outro fato real na historia (Nao posso falar. Mas está na historia!). O realismo da historia... Tem um fundo de verdade.

    Grande abraço heudes!!!

    ResponderExcluir

Seja Bem Vindo! Sou Heliomar Melo

Minha foto
Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, Brazil
Escrevo com a emocao e com o coracao. Bem Vindo a Minha Mente!!